Segunda-feira, 28 de Abril de 2008
orgasmo e energia

 

 

 

Somos seres energéticos, somos receptores e transmissores

somos influenciados por tudo o que nos rodeia

 

 

cada ser que atravessa a nossa vida "deixa algo dele, leva algo de nós"

alguém famoso já o disse e agora expando

se somos todos energia, influenciamo-nos mutuamente

 

o corpo e a mente são um só

 

tal como as doenças podem atacar o nosso exterior, também as pessoas podem influenciar, prejudicar ou ajudar

depende de como cada um sente e tem consciência do seu poder energético

 

imagina que cada vez que tens uma relação sexual... te nasce um braço!

(assustador?? mas é isso que acontece! porque são gerados elos energéticos entre os seres que se ligam pelo desejo, pensamento, entrega, amizade, amor......)

 

 

és uma torre energética ligada a todas essas pessoas

são como números de telefone numa agenda 

são braços com que podes tocar

 

quantos mais números tiveres, quantas mais pessoas estiverem ligadas

menos energia tens para ti

quantas mais vezes tiveres relações sexuais com a mesma pessoa,

mais forte se torna esse elo

 

ter sexo, atingir um orgasmo é um momento de fragilização do eu

é um encontro com o infinito, com o universo

é a libertação de energia pura

no momento do orgasmo deixamos de pensar, deixamos de existir como corpo

 

se o tens com uma pessoa e/ou mesmo tempo, ha ligação energética, ambas se misturam e são um só

carregam a energia de outro consigo mesmas

 

é tão libertador ter um orgasmo mas,

a mulher necessita de sentir-se segura e confiante para o atingir

 

a sensibilidade feminina é muito elevada

 

a mulher pode sentir prazer em enfiar um dedo dentro dela mas, não permite que qualquer pénis penetre o seu interior e lhe proporcione essa libertação.

 

cada orgasmo masculino liberta milhões de espermatozóides (uns correm, outros caminham, alguns brincam entre si...) mas o ovulo só se abre para 1! e ela tem-nos contados e liberta 1 por mês até ao ultimo.

 

Quanto mais a mulher se sentir como Mulher, menos vai querer misturar sua energia com outro ser

Sexo é uma necessidade física e libertador de tensões acumuladas mas,

é partilha de energia e nem todos conseguem libertar-se de lixo

 

A mulher tem sido sexualmente castrada e ainda tem de se libertar de muitos preconceitos mas, no momento em que se entrega e deixa de fingir um orgasmo, para o sentir na sua plenitude, ela vai saber o poder que tem

 

O homem tem sido educado para conquistar femeas, no momento em que deixar de querer colecionar lixo, vai sentir-se muito mais livre e completo

 

 

 

 

 

 

-  A minha amiga Virginiana transcreveu em tom de anedota um texto sobre o orgasmo feminino e seu enigma. Falar de orgasmo feminino pode fazer rir muita gente e, quem o sente na sua plenitude também dá umas boas gargalhadas porque é das sensações mais intensas que podemos sentir.

Ha mulheres que choram, ha outras que riem, outras que nem falam, outras que não se mexem, varia com cada uma e varia a intensidade de cada um. Como sabem as mulheres têm diferentes orgasmos, com intensidade totalmente distintas!

 

Se um orgasmo é seco ... antes dele surgir muitos indicios acontecem e é perfeitamente normal ele também ser seco (como se um vento secasse todo um pantano - esta comparação é para asssustar os mais pudicos)

Se um orgasmo é uma descarga electrica eu não o saberei provar mas sei que quando o a mente autoriza e o corpo se entrega, é um momento de êxtase só comparado a uma meditação profunda e total como diz a Sibila é a libertação de energia que temos dentro de nós e nem todas as mulheres sabem como o atingir, tal como nem todos sabem o poder interior que têm e são.

 

 

- Como conclusão:

A mulher procura-se na busca de si propria ao entregar-se a outro

O homem com medo de se encontrar, entrega-se a qualquer uma

 

 

P.S. hoje deu-me para isto e nem tenho a desculpa da Lua mas, apetece-me abanar o sistema Tenham uma optima semana com muitos orgasmos nem que sejam mentais. 

E ... medos todos temos ... e todos queremos ser felizes  

 

 

 

 

 


sinto-me: á distância de um pensamento


Quarta-feira, 23 de Abril de 2008
ceia á meia-noite

 

 

 

 

Apresento-vos o Billy Junior:

 

 

 

os papás estavam a dormir no cesto e o gajito foi comer hehe

 

 

 

POST PARCIALMENTE APAGADO

 

OBRIGADO

 

 

 

 


sinto-me: I've got a secret


Segunda-feira, 21 de Abril de 2008
partilhar informação...

 

____________________________________________________

 

PERDEU-SE

 

 

 

 

...............cachorro de raça humana, macho, com pila pequena

.............foi visto a ultima vez

.....................em cima da melhor amiga de sua esposa

................dá-se pelo nome de Manel 

...........quem o encontrar avisar as autoridades

............perigo de infecção

 

______________________________________________________________

*

*

- em vez de nos lamentarmos por eles/elas serem infieis

por andarem á procura de auto-confiança debaixo das saias de outras

em vez de chorar, lagrimas de sangue, por sabermos que partilharam o seu corpo e tesão, com quem não vive com ele/ela

a vingança... sabe bem!!!

*

bater onde mais doi:

- carro riscado, pintado com graffiti identificativos, objectos pessoais á porta com grande placard a identificar o dono, anuncios a partilhar a informação, espalhar fotos com a sua carita.... imaginação a funcionar

*

recebi um mail formatado por AS Neves que me inspirou este post

Vingança é um prato que se serve frio mas... com a cabeça quente, fazem-se coisas que dão muito gozo á vida!!

*

Como diz a anedota:

lembra-te que ganhaste cornos, não ganhaste asas!

*

*

 

- que leva a arriscar um contracto? nem o medo de vinganças pesa para terminar a relação antes de saltarem para a espinha de qualquer uma?

têm medo de compromissos mas, não têm medo de castigos?

*

é assim tão dificil ser honesto?

Tudo se sabe, mais tarde ou mais cedo

*

mas quem sou eu para falar de infidelidade?? até assino como Infiel

*

*

*

 P.S. só para não haver dúvidas, a foto e o nome são pura imaginação (desta vez)
 

 

 

 


sinto-me: com vontade


Quinta-feira, 17 de Abril de 2008
tu e eu

 

 

alguns amam... outros deixam-se amar

 

quando deitas a culpa em alguém ou na própria vida como desculpa para não amares... recorda que:

quem faz a tua vida és tu mesmo!

enquanto se refugias nessa armadura que te ensinaram a usar,

sentes-te confortável

foi assim que te ensinaram!!

 

mas... podes ser ignorante mas não o sejas para ti mesmo

 

no momento em que sacudires as amarras

em que recusares a vida medíocre

vais sentir medo e vais querer recuar

é tão bom estar onde se conhece!!

é tão bom saber o que vai acontecer a seguir!!

 

mas...

 

se é assim tão bom, porque continuas insatisfeito??

 

que vida tens?? que vida queres ter??

 

tens medo de morrer??

- a morte é a coisa mais certa da vida

por mais medo que tenhas, um dia vai chegar a ti!

 

tens medo de te perder?

- nos novos caminhos se encontra o desconhecido

e é o desconhecido que nos faz vibrar e sentir que somos inteligentes

somos suficientemente inteligentes para solucionar todos os problemas que vamos encontrar

 

- não necessitamos de fórmulas, de crenças, de conselhos

tudo o que necessitamos está dentro de nós e na vontade de querer

 

 

no momento do primeiro passo temos o direito a parar

mas não temos o direito a recuar!

tu não lhe dás esse direito!

 

por mais confortavel que te pareça a vida, ela é uma aventura, uma dádiva

sente-a, vive-a, ama-a

 

que te arranca um sorriso? que te faz vibrar?? que se modificou desde a tua infância??

que sonhos tinhas??

 

quando morreste???

- pergunta dificil?? ou a resposta é complicada?

não me respondas! fala contigo mesmo e sorri

encontra-te nesse labirinto, nessa teia que construiste ao teu redor

ilumina-te

 

amanhã começa hoje. O que parecem responsabilidades.. podem ser ilusões criadas por ti mesmo para não avançares A cobardia instalou-se e cruzou as pernas, fuma charuto e ri-se de ti mas:

 

não acredites em mim! sente!

 

 

 

 

 

e sorri comigo

 

 

 

 

 

 P.S. não resisto: ha tanto tempo que não acontecia ... que sabe bem! 5-3 ahahah

 

 

 

 

 


sinto-me: bem disposta


Segunda-feira, 14 de Abril de 2008
repeti e.... adorei!!!

 

 

dizem que os cobardes não confiam, não se desligam, não arriscam......

 

dizem que os erros nos ajudam a crescer, a aprender...

que o que devemos fazer é não os repetir...

 

Eu fiz , repeti e... adorei!!!

 

 

- "Lembra-me que não gosto disto! que detesto esta sensação! que para a próxima não quero vir, mesmo que diga que sim!!!"

 

- "Tá bem! Mas quando saires desse parapeito, goza!!"

-"Gozo?????" Tá bem eu já te digo o que vou gozar! Não quero esta sensação!!! Detesto esta situação!"

 

- "Tá bem, tá bem! Mas quando sentires... aproveita e curte. Esta é uma parede para gozar. para sentir! Tás pronta?"

 

Respirei, olhei-o ameaçadoramente e respondi:

-" Tou!"

 

Um passo, um olhar sobre o ombro... fonix... é vazio! onde ponho o raio do pé?"

Alguém diz: "salta, dá saltinhos, sente-te um sapo!" 

 

E saltei, larguei a corda e.. senti a liberdade de comandar a velocidade, travei, respirei:

-"Uhmmmmmm é bommmmmmmmmm!"

 

- larguei, soltei-me, os pés fincaram-se na rocha só para mais um impulso, recomeça a dança. salta, larga, voa....

 

-"Aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, uauuuuuuuuuuuuuuuuuuu ......

 

- "Tás a gostar?" - gritam de cima

-"É lindoooooooooooo"

 

 

pequenina e cheia de medo!

 

 

- não foi um erro! Quero repetir e repetir, quero sentir-me viva!!! Quero viver!!!

rappel é uma sensação única. Os mais intimos sabem que fiz canyonning para vencer medos e .. venci!

 

- cobardes são os que se agarram ao que está morto para se iludirem com a vida, sou tão humana como os demais mas... arrisco e salto e quero novas sensações, amo e quero ser amada, arrisco e ganho, toda a sensação de liberdade, já nem necessito de procurar... o que necessito a mim vem!

 

- No final, uma praia paradisiaca, o meu bolo de aniversário (total responsabilidade de um dos monitores e sem uma amolgadela) no meio do areal. Cantaram e desejaram-me Felicidades e... mergulhei naquela água gélida para agradecer a Neptuno e Iemanjá o dia fantástico para celebrar mais um ano na minha efémera vida nesta Terra.

 

 

 

Baleeira - Cabo espichel

*

*

*

- Como podemos crescer se somos cobardes? a cada nova oportunidade... recua-se, fecha-se os olhos!!!

Todos os dias existe uma nova luz, novas prespectivas

*

*

Muito obrigado por se recordarem do meu dia, foi extraordinario e sinto-me feliz (mesmo estando cada vez mais cota )

 

 

 

 


sinto-me: numa nova era nesta Primavera!


Domingo, 13 de Abril de 2008
confiança

 

 

tenho andado a falar de confiança sem conseguir definir o que quero dizer

é facil dizer:

- perdi a confiança mas

continuar a sentar-se ao lado de quem conduz uma viatura

- perdi a confiança mas

continuar a dormir com essa pessoa

- perdi a confiança mas

continuar a viver da mesma maneira

 

ou

 

como pudeste fazê-lo???

porque confiaste??

 

 

 

mesmo depois de ter lido todas as explicações por esse mundo de proverbios, citações , ou medições  e conselhos para a conquistar .....

 

encontrei umas palavras que me fizeram pensar em vez de acenar,

no livro "Coragem" de Osho:

 

"por que as pessoas não confiam?

Porque não confiam na sua inteligência. Têm medo.

Têm medo que as pessoas possam enganar.

Têm medo por isso duvidam.

 

A duvida nasce do medo.

a duvida nasce de insegurança na sua própria inteligência.

 

a confiança necessita de grande inteligência, coragem, integridade.

 

Se for inteligente estará pronto a entrar no desconhecido.

 

Não tente compreender a vida. Viva-a!

 

A vida não é um problema, a vida é um mistério a ser vivido, amado, sentido.

a vida é dinamismo, é mudança permanente.

 

Toda a gente tem uma religião mas o mundo está cheio de pessoas pseudo-religiosas, de irreligião.

 

A confiança tornou-se uma crença, não uma experiência, as pessoas são ensinadas a saber, a acreditar mas.... a confiança não pode ser cultivada.

 

A confiança só pode ser descoberta e sentida.

 

Como pode confiar em alguém ou alguma coisa se não confiar em si próprio??

- é impossivel.

só pode fingir que está a confiar.

 

- É absolutamente necessário que o coração se abra antes do intelecto se transformar em inteligência

 

A inteligência é o intelecto em sintonia com o coração.

Agarrar-se ao conhecido é agarrar-se a um cadáver. não é necessário coragem para deixar de se agarrar.

- só tem de observar!

 

só quando se compreende claramente que tudo aquilo que você sabe pertence ao passado, já passou! faz parte do cemitério.

 

coragem não é algo que se possa ensinar ou dar, nasce com cada um

O presente é uma transformação, um renascimento, uma ressureição.

 

Você é o seu nome, a sua fama, o seu prestígio, o seu poder mas, para além disso que fica? Tudo isso só dá uma falsa sensação de ser

- se não sei quem sou... que faço aqui?

 

- há pouco que podemos considerar nosso: inocência, autenticidade, inteligência, coragem

Escute o desconhecido, arranje coragem para mudar para o desconhecido mas, não porque o leu ou escutou mas porque sentiu e foi suficientemente inteligente para confiar no desconhecido

 

as pessoas de medo não podem mudar-se para o desconhecido.

no desconhecido é um ignorante, porque não sabe o que fazer a seguir, pode fazer disparates, pode perder-se...

é esse medo que mantém a pessoa amarrada ao conhecido, está morta e vive num cemitério.

 

a vida só pode ser vivida perigosamente, é só através do perigo que a vida atinge maturidade.

e quando se prova a alegria da liberdade e da temeridade, nunca se arrepende, porque sabe o que significa viver em condições óptimas.

Um único momento dessa intensidade é mais agradável que toda a eternidade de uma vivência medíocre.

 

- A confiança é subjectiva e está dentro de nós , faz parte dos bens pessoais que temos de conhecer e sentir. A vida é transformação e intensidade, é crescer e aprender, sentir e ser.

 

 e se Chaplin disse:

"perder com classe e vencer com ousadia

O mundo pertence a quem se atreve"

 

eu acrescento:

a quem se atreve a parar, sentir, ser e sorrir

 

 

 

 

 

 


sinto-me: começando um novo ano


Sábado, 12 de Abril de 2008
cheiro de pele

 

 

 

 

 

 

- queixam-se as mulheres que eles só querem fornicar

- queixam-se as mulheres que eles não sabem amar

- queixam-se as mulheres que eles....

 

 

 

P.S. a Infiel está de ferias ...  outra vez  

 

 Um óptimo fim de semana  

 

 

 POST PARCIALMENTE APAGADO

 

OBRIGADO

 

 

 


sinto-me: de ferias


Segunda-feira, 7 de Abril de 2008
Ser e sorrir



 

o medo que temos de nos escutarmos leva-nos  a preferir ouvir outros

quantos de nós chega a casa e a primeira coisa que faz é
ligar a TV ou o radio ou o computador???

ansiamos estar com outra pessoa,
queremos o amor de alguém para
nos dar a ilusão de que estamos bem
amor não correspondido cria ansiedade, tristeza, depressão

acreditamos em alguma religião para nos dar respostas e sentido de vida
olhamos para a televisão como detentora da verdade una e absoluta
lemos jornais para passar tempo
telefonamos ou visitamos amigos para não estarmos sós

- quando estamos sós tendemos a buscar algo para fazer

Quando estamos sós somos o nosso espelho, somos obrigados a olhar a nossa nudez
a conhecer onde existe celulite
a reconhecer que as rugas já marcam a alma e nada as fará recuar
a ter a certeza do que nos arranca um sorriso
a entender o nosso corpo como invólucro dum espírito
a sentir a nossa essência


Até conhecermos a nossa nudez interior
caminhamos iluminados por outros
porque temos medo de ficar só

Por esse medo continuamos relações frustrantes e infelizes
desculpamos e pedimos desculpa
temos amigos e queremos ser amigos


Quanto mais medo tivermos de encarar a nossa verdadeira face
mais limitados nos sentiremos

porque não há razões para ter medo do nosso 'eu'

porque é imperativo ficar só para conhecer o essencial

 



- a solidão é imperativo,
pode ser umas horas, uns dias ou uns anos
*
*
Afastarmo-nos da sociedade, dos outros e suas opiniões e conselhos
é o único caminho para conhecermos a nossa essência, quem somos
e jamais nos sentiremos sós quando nos descobrimos
quando nos conhecemos
quando nos amamos
 
 
 
*
*

P.S.. baseado na minha vida e  no  "O livro dos segredos"  de Osho  e
inspirado nos orgasmos sensitivos  da Sibila e no filme Zeitgeist visto a sala da P.M
 
*
*
*


foto retirada daqui
 
*
*
*
 
 
P.S.2 - Para os mais íntimos: hoje fiz sopinha de feijão verde heheh
*
*
*
 
 
 
 
 

sinto-me: tranquila e feliz


mimos (74) & memoires
moi
ser Infiel é:

Subscribe to Infiel

quantos infieis
CURRENT MOON


My blog is worth $30,485.16.
How much is your blog worth?

sonhos e dissertações

Discos vinil saudoso som

Atraiçoada

Feliz e quente Natal

ja nasceu hehehehe

A Tabacaria de Alvaro de ...

velocidade

O Bob

a parvoice foi embora

cigarro procura-se

Luta de Titans 1ª semana

Ano do Tigre Dourado

Luta de Titans

cucu

se natal é qd se ker.... :)

o que me agrada

FLORES???? NÃO Á VIOLÊNCI...

Software para o Coração.....

Atraiçoada

Infiel

Desistir/Recomeçar

Palavras

Venha dai, está convidado...

Sexualidade feminina do s...

Gratidão....

Porque hoje é domingo - v...

orgasmos mentais

Dezembro 2011

Dezembro 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

encontrar neste blog
 
Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais comentados
102 comentários
80 comentários
78 comentários
75 comentários
75 comentários
69 comentários
59 comentários
Atraiçoada - o livro
Support independent publishing: Buy this book on Lulu.></a>
<div class=
subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários