Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Infiel

Infiel

somos guerreiros de luz

22
Jun07

 

 

 

 

 

 

 

Eu tenho descoberto muitas coisas sózinha mas, também tenho quem me guie.

 Uma das coisas que aprendi foi a seguir sinais. Se me preocupava quando o meu cão se escapava mas escutava um passaro a cantar, interpretava como um sinal de que ele voltaria bem e, deixava de me preocupar. É só um exemplo.

 

Seguir sinais da Natureza, de encontros, de sonhos, de sons... estar viva e atenta ao que se passa á minha volta.

 

Um dos escritores que se tem cruzado em meu caminho e que descobri numa altura muito dramatica de minha vida foi Paulo Coelho.

 

Hoje, com a enorme vontade de chorar que tenho tido, abri um link que não era o que queria. Mas, ao abrir o link deparei-me com um texto que me fez sorrir e, pensar que, nada acontece sem razão!

 

" Guerreiro da Luz conhece o valor da persistência  e da coragem.

 

Muitas vezes, durante o combate ele recebe golpes que não estava esperando. e compreende que - durante a guerra - o inimigo vencerá algumas batalhas.

 

Quando isto acontece, ele chora suas mágoas, e descansa para recuperar um pouco as energias. Mas, imediatamente volta a lutar pelos seus sonhos. Porque quanto mais tempo permanecer afastado maiores são as chances  de sentir-se fraco, medroso e intimidado.

 

Qando um cavaleiro cai do cavalo e não tornar a montá-lo no momento seguinte, dificilmente terá coragem de fazê-lo novamente.

 

Para o Guerreiro não existe o amor impossivel. Ele não se deixa intimidar pelo silêncio, pela indiferença ou pela rejeição.

 

Sabe que, atrás da máscara de gelo que as pessoas usam existe um coração de fogo.

 

Por isso o Guerreiro arrisca mais que os outros. Busca incessantemente o amor de alguem - mesmo que isso signifique escutar muitas vezes a palavra "não" - voltar para casa derrotado, sentir-se rejeitado em corpo e alma. 

 

Um Guerreiro não se deixa assustar quando busca o que precisa. Sem amor ele não é nada."

- extrato do "Guerreiro da Luz" de Paulo Coelho que, mais uma vez se cruzou no meu caminho sem me pedir licença!

 

Boa noite Amor, dorme com os Anjos, já que não podes dormir comigo!

 

 

6 comentários

Comentar post