Segunda-feira, 24 de Setembro de 2007
quero-te salgado

 

"Hoje vou-te saciar" - dizia o sms ás 7 da manhã

 

Um sorriso desenhou-se na minha boca, espreguicei-me á felina, erguer os braços, unir as mãos e elevá-las ao infinito, erguendo os ombros e fazendo descer o movimento por toda a coluna, esticar uma perna de cada vez, movimentar cada dedo dos pés; rocei meu corpo no colchão uhmmm

Tomei duche e com a toalha enrolada preparei um pequeno almoço vitaminico

 

Escutei o ronco da mota, porque me provoca sempre um sorriso ouvir aquele som??!!!

 

"Bom dia tentação! Tão ainda não tás vestida!? assim não vamos a lado nenhum...." - dizia enquanto se aproximava para me envolver em seus braços "Tive saudades tuas" - segredou "Louco, ainda ontem aqui estiveste. Vou só vestir os calções e vamos. Não me sigas!"

 

"Disse-te para não me seguires"-  não conseguindo reprimir uma gargalhada cristalina, ainda mais divertida por ele se agachar, fazendo de cachorro com a lingua de fora

 

Flecti os joelhos, levantei-lhe o queixo e lambi a lingua dele, suficiente para nos envolvermos num beijo delicioso e fogoso, nossos corpos sofriam de desejo. Ergueu os braços e envolvendo meu corpo depositou-o no piso, cobrindo-o com o dele.

Suficiente para recomeçarmos o jogo de prazer fisico.

 

Lenta mas firmemente afastei seus ombros, "Hoje quero-te salgado! e com muito desejo!!

"Ainda mais?! Deixas-me louco Quero-te!" "Calma menino, vamos pra praia ok?"

Fingindo tristeza canidea levantou-se e ajudou-me a erguer, depositando um beijo no pescoço.

 

A praia não era longe, encaixada no meio de rochas, formava uma baía com ondas delicadas, e temperatura amena, aquela hora e naquela altura do ano mesmo com a temperatura alta, não havia ninguem.

 

Olhou-me bem no fundo dos olhos e sorriu. "Vou-te realizar mais uma fantasia, a tua prenda de anos atrasada"

 

Olhar no fundo dos seus olhos é despertar emoções, as bocas aproximam-se para confirmar uma emoção comum, um desejo profundo de união.

Os braços á volta dos corpos, confirmam esse desejo mutúo.

 

Ele enlaça o meu corpo e caminha para a agua, baixa-me com cautela e deixa-me flutuar, com as mãos em concha recolhe agua para me passar nos seios, na barriga, arrepia-me, provoca-me...  Um braço segura-me pela cintura e puxa-me de encontro ao seu tronco,  ergue-me.

Abro as pernas e passo-as pelo tronco. O contacto com a agua, com o seu corpo, as suas mãos sobre mim é tudo o que necessito para que o meu desejo se manifeste na vagina. A penetração é segura e facil, ardente

 

 

 

 

 

Esta é a união de sentimentos reciprocos mas, os corpos desejam mais.

 

Desprendo as pernas, deixo-me escorregar pelo seu corpo e ajoelho-me na agua. Passo a lingua nos testiculos, subo até a cabeça de seu penis, minha lingua não pára de encontro ao seu sexo, provoco-lhe sensações de prazer, de querer mais. Abocanho a cabeça do penis, como se o quisesse tragar. a lingua não para dentro da boca á volta da cabeça daquele pedaço de carne, ele geme de prazer.

 

Com uma mão recolho agua do mar e ao mesmo tempo que abro um pouco a boca levo a mão cheia de agua que rega o seu sexo, provocando um grito de surpresa e prazer, rapidamente engulo seu sexo, passo a lingua, sugo, abocanho, sinto a dureza daquele membro de encontro as minhas bochechas, desço a lingua pelo penis, abocanho de novo, ele geme, grita, suas mãos agarram-me os cabelos, empurra a minha cabeça mais para a frente, seu corpo eriça-se, entrega-se aquele broche como se o ultimo se tratasse, o seu prazer arrepia-me, venho-me sem que me toque

 

Levanta-me e vira-me de costas, com um braço segura minha barriga com uma mão aperta o clitoris, um dedo busca o meu interior, confirma o meu desejo, provoca mais e arquejando penetra o meu interior. Aperta-me com força, fode-me rapido, com desejo e... controla-se.

 

Retira-se do meu interior, vira-me o corpo e começa a lamber cada pedaço da minha pele, suga os meus mamilos ao mesmo tempo que com um dedo me excita o clitoris; minha mão procura seu sexo e da-lhe prazer.

Venho-me com o seu dedo e quero mais!

 

Levanto uma perna e encosto-a ao seu ombro, ele segura-me pela cintura e, de novo me penetra mas, dentro de agua não da muito jeito a novas posições. Ergue-me e leva-me para a areia, deita o seu corpo sobre o meu e de novo me possui, sua lingua enrola-se na minha, suas mãos apertam meus seios, as minhas unhas rasgam sua carne, o meu orgasmo vem ao mesmo tempo que o dele entre sal e areia.

 

 

 

 

Minha fantasia linda....como tenho saudades tuas!!!

 

 

 

 e.... ainda não estou saciada!!!

 

 

 

 

 


sinto-me: apaixonada

escrito por Infiel às 01:26
link do post | adiciona se gostaste

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



moi
ser Infiel é:

Subscribe to Infiel

sonhos e dissertações

Discos vinil saudoso som

Atraiçoada

Feliz e quente Natal

ja nasceu hehehehe

A Tabacaria de Alvaro de ...

velocidade

O Bob

a parvoice foi embora

cigarro procura-se

Luta de Titans 1ª semana

Ano do Tigre Dourado

Luta de Titans

cucu

o que me agrada

FLORES???? NÃO Á VIOLÊNCI...

Software para o Coração.....

Atraiçoada

Infiel

Palavras

Venha dai, está convidado...

Sexualidade feminina do s...

Gratidão....

Porque hoje é domingo - v...

Mario Quintana e o casame...

orgasmos mentais

Dezembro 2011

Dezembro 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

encontrar neste blog
 
Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais comentados
102 comentários
80 comentários
78 comentários
75 comentários
75 comentários
69 comentários
59 comentários
subscrever feeds