Sexta-feira, 23 de Novembro de 2007
estimulação erotica - Parte I

 

Homens!!! não se pode viver sem eles nem com eles....................

 

Na Europa existem mais mulheres que homens

mas continuamos com um mercado erótico virado para eles

Somos tantas e, mesmo assim ... não sabem o que queremos

 

Recebi-o por e-mail e achei a sua piada, sem esquecer que

 foi escrito por um homem, para homens

 

 

 

 

Os 10 melhores conselhos para o homem

*

*
"1- Não se precipite

Assim que fica a sós com a sua parceira deve concentrar-se na relação. Vá com calma e lembre-se de que a maioria das mulheres precisa de algum tempo para encontrar os níveis ideais de excitação.
O processo habitual na mulher - maximize-o se tiver uma parceira estável - passa por: intimidade, estimulação e desejo.

Você não pode descurar estes passos, nem passar directamente para a fase do desejo. Comece por seduzi-la no sofá, por exemplo.
Beije-a e dispa-a lentamente quanto mais tempo usar para a deixar louca de prazer, melhor será o acto sexual. E não encare tudo isto como um trâmite para passar ao prato forte. "Acima de tudo, deve respeitar as necessidades e desejos do outro.
Para tal, há que conversar sobre as questões que a satisfazem e conjugá-las com as nossas próprias necessidades, o que garante um melhor entendimento entre o casal, pois se ambos souberem o que dá prazer ao outro, mais facilmente poderão satisfazer-se mutuamente", diz a Dra. Natacha Lage, psicóloga clínica na Homomédis - Clínica de Medicina Integrada.

2 - Diga-lhe as palavras certas

As mulheres respondem melhor aos estímulos verbais do que aos visuais, de maneira que o dom da palavra se torna numa das melhores ferramentas para excitá-la.
"Escondo a minha cara, digo as palavras certas e conseguirei seduzir a rainha de França", disse Voltaire... e com muita razão.
Está comprovado que elas se excitam com as palavras (quer ditas, quer lidas), ao contrário de nós que somos mais propensos aos estímulos visuais. No que diz respeito ao tom utilizado não somos muito diferentes dos animais. O veado macho, por exemplo, emite um
rugido que leva a fêmea a ovular e a preparar-se para acasalar. Siga este exemplo transformando o rugido em poesia.

3 - Não se aproxime do lugar de desejo

Uma das principais queixas femininas é que nos centramos demasiado na zona dos genitais. Solução?
Faça um pacto consigo mesmo e não se aproxime da vagina durante 10 minutos. Concentre-se noutras zonas do seu corpo: os peitos, o pescoço, as axilas, as nádegas e os lóbulos da orelha.

4 - Aprenda a provocar

Coloquem-se de lado e de frente um para o outro. Ponha a ponta do pénis de forma a tocar apenas a entrada da vagina. Desta maneira, poderá beijá-la na boca, tocar-lhe nos peitos e acariciar-lhe as nádegas enquanto que, simultaneamente, a provoca com as investidas da sua "Torre Eiffel". Resista à vontade e desejo de penetrá-la até que ela não aguente mais e
lhe implore.

5 - Conheça bem o corpo dela

Oferecemos-lhe uma lição magistral em apenas 3 minutos: Os peitos: Apesar de os adorarmos ver, apenas uma em cada dez mulheres acaricia os seios durante o acto sexual. Portanto, se a sua parceira não o fizer, não se preocupe, pois este é um acto variável de mulher para mulher. Algumas gostam destas carícias e outras nem por isso.

Os mamilos: Se ela não os tem erectos, não entre a matar. Acaricie-os com a palma da mão ou com movimentos circulares. Quando estes estiverem firmes, belisque-os ligeiramente com dois dedos molhados e movimente-os para a frente e para trás. Não os aperte.

O clítoris: Não o belisque nem pressione, pois poderá irritá-lo. Nem sequer introduza o dedo até ao fundo da vagina, pois a maioria das terminações nervosas encontra-se na entrada da vagina e muitas mulheres sentem-se incomodadas quando lhe remexem nas suas profundidades.

Os lábios interiores: São muito mais sensíveis do que os exteriores, sobretudo quando se acaricia a superfície interna. De acordo com alguns estudos, cerca de 84% das mulheres acariciam-nos juntamente com o clítoris para se masturbarem.

6 - Beije-a:

Os homens, especialmente aqueles que mantêm um relacionamento estável há já algum tempo, costumam esquecer-se do prazer que pressupõe juntar os lábios.
O problema básico é que, em muitos casos, os beijos são utilizados unicamente para anunciar que quer sexo já, agora, e não mais tarde.

Se não tiver cuidado, terminará por limitar os beijos ao não querer que a sua parceira deduza que são o prelúdio do sexo. Evite isso mesmo, beijando-a também à luz do dia. Quando chegar o momento de fazer o amor, faça dos beijos a peça principal no processo de
estimulação.

"Muitos homens cometem o erro de atacar imediatamente o clítoris como se fosse um gelado, é preciso ser carinhoso", comenta a Flic Everett, no livro Sexo ardente.



7 - Tire nota 10 na prova oral



Para obter a pontuação máxima, siga estes conselhos.

Utilize uma almofada Coloque-a no final das costas dela. Trata-se de uma posição muito agradável para ela, dado que se podem excitar partes que, normalmente, ficam esquecidas.

Actue com confiança Passe a mão sobre o períneo dela - a zona situada entre a vagina e o ânus - pressionando ou massajando ligeiramente. Esta éuma das zonas femininas mais erógenas. Carícias amplas

O clítoris responde melhor às vibrações constantes e suaves. Deve dar-lhe carícias por todo o corpo, "mas também incidir nas zonas mais erógenas, como seios, clítoris (órgão que desencadeia o orgasmo) e vagina (pequenos lábios, intróito vaginal)", aconselha a Dra. Lígia Fonseca, da Sociedade Portuguesa de Sexologia Clínica.



8 - Explore


A maioria dos homens começa a beijar o corpo das suas parceiras de cima para baixo: boca, seios, umbigo, etc. Mas, para nós, se isso já for habitual e ela já souber onde você vai terminar, perde toda a graça e estímulo. É preferível fazer algo mais ofuscante:
Experimente as zonas mais esquecidas: as pálpebras, o interior das coxas, a parte traseira dos joelhos, a zona que fica coberta pelos lóbulos da orelha e a parte superior dos peitos (não estamos a falar dos mamilos).
Dê-lhe beijos muito breves nestes lugares e faça também algumas ligeiras sucções. Para conseguir uma pressão maior, utilize também a ponta da língua.
Depois do beijo, sopre sobre essa zona. De certeza que nesse preciso momento provocar-lhe-á um autêntico calafrio de prazer. Por isso, sugerimos que reserve este truque para momentos mais álgidos.

9 - Não tire a roupa

 


Na sua fase de adolescente era normal fazer amor sem tirar nenhuma peça de roupa. Não o fazia por necessidade (os outros convidados das festas também tinham direito a utilizar a casa-de-banho), mas por divertimento. Mas quando já nada nem ninguém os pode apanhar em flagrante, não custa nada tirar a roupa e pôr mãos à obra. Calma! Faça-o devagar. Retire o máximo proveito das peças de roupa que tem vestidas.

E experimente esta variante de sexo oral: inicie a tarefa antes que a sua parceira tire a roupa interior.
Comece por passar com a língua pelas virilhas e por cima das cuecas. Depois coloque-as para o lado para poder trabalhar comodamente. Se as conseguir tirar com a ajuda dos dentes também dá resultado.



10 - Seja obsceno

É uma regra infalível: se determinada coisa lhe parecer apimentada, faça-a sem hesitar. Esta "arma" deve ser utilizada quer por homens quer por mulheres, mas de maneiras distintas.
Para algumas mulheres, o simplesfacto de vestir determinados vestidos curtos - daqueles que nos deixam de boca aberta - parece-lhes indecente. Do mesmo modo que a nós nos parece indecente prodigalizar infinitas amabilidades para elas, como abraçá-las ou realizar-lhe todos os desejos. A verdade é que todas elas são formas muito eficazes de estimulação.

Muitos homens afirmam que não sabem o que fazer para agradar às suas parceiras. É evidente que o sabem, o que acontece é que não se conseguem imaginar a fazê-lo ou a dizê-lo. Se tem vergonha de dizer alguma coisa à sua parceira ou de levar a cabo alguma acção deste tipo, pense muito no quanto que se poderão excitar-se com isso. Esta é a melhor maneira de ultrapassar a vergonha."

 

 

foto de Norbert Guthier

 

 

 

 

 


sinto-me: mais calma

escrito por Infiel às 00:43
link do post | adiciona se gostaste

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



moi
ser Infiel é:

Subscribe to Infiel

sonhos e dissertações

Discos vinil saudoso som

Atraiçoada

Feliz e quente Natal

ja nasceu hehehehe

A Tabacaria de Alvaro de ...

velocidade

O Bob

a parvoice foi embora

cigarro procura-se

Luta de Titans 1ª semana

Ano do Tigre Dourado

Luta de Titans

cucu

o que me agrada

FLORES???? NÃO Á VIOLÊNCI...

Software para o Coração.....

Atraiçoada

Infiel

Palavras

Venha dai, está convidado...

Sexualidade feminina do s...

Gratidão....

Porque hoje é domingo - v...

Mario Quintana e o casame...

orgasmos mentais

Dezembro 2011

Dezembro 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

encontrar neste blog
 
Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais comentados
102 comentários
80 comentários
78 comentários
75 comentários
75 comentários
69 comentários
59 comentários
subscrever feeds